ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

APP entrega carta de reivindicações ao prefeito de Assis

Sexta-feira, 21 de março de 2014

Visualizada 284 vezes

“Na pauta o Piso Nacional do Magistério, fato que já é uma realidade no município”


A APP Sindicato, através da presidente Marly Marcusso de Brito e da formadora Marlene Vilanova, esteve na manhã desta quinta-feira (20) no gabinete do prefeito Marcel Micheletto entregando junto ao prefeito uma carta de reivindicações da categoria. Na carta, entregue ao prefeito, um dos pontos altos é o pedido do pagamento do piso nacional do magistério. Segundo a nota “foi com o objetivo da valorização profissional, o qual certamente contribuiu para a qualidade da educação, que se institui a Lei 11.738 de 2008, que estabelece o Piso Salarial Profissional Nacional para os profissionais do Magistério Público da Educação Básica (PSPN). A APP Sindicato, compreendendo a importância da lei, vem solicitar a Vossa Excelência o cumprimento integral da Lei 11.738 de 2008, que determina que todos os entes da federação devem  fixar o vencimento inicial das carreiras do magistério público da educação básica”, diz um trecho da carta.

O prefeito Marcel, em conversa com as representantes da APP, disse que assim que assumiu seu mandato uma das metas foi o pagamento do Piso Nacional, porem ao analisar a carreira do magistério, diagnosticou-se muitos problemas nas vantagens de carreira dos docentes que foram sendo enquadrados e superados no decorrer de 2013, e que,  a partir de 2014 o pagamento do Piso seria consolidado. Durante a abertura do ano letivo de 2014, assegurou o compromisso do pagamento do Piso Nacional dos professores a partir do mês de abril, salário referente ao mês de março. “Nós já tínhamos assumido um compromisso com os professores de durante esse ano de 2014 pagarmos o piso nacional, beneficiando a mais de 250 professores e educadores infantis, e também estamos cumprimento com os 33% de Hora Atividade do professor outro quesito da Lei do Piso. Isso tudo exigiu planejamento e muita vontade por parte de nossa gestão para enquadrar todos os docentes garantindo-lhes o que lhes é de direto”.

No próximo pagamento a classe educacional já vai receber o novo salário reajustado conforme o piso.

Além do piso, que é uma fixação de um valor para 40h semanais, a prefeitura vai pagar 3% da avaliação dos professores, 1,5% dos anuênios, está deixando a carreira do professor em dia. Os professores então receberam o piso e os avanços em abril, porque o trâmite legal acontece em março, e em fevereiro os professores receberam o índice inflacionário de 6%, que foi pago em março. É um olhar diferenciado pelo educação, afinal se o professor está feliz, o resultado vem em benefício do aluno, da comunidade”, finalizou.

 

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Segunda à Sexta-Feira, das 08:00 às 12:00 - 13:30 às 17:30. CANAL DE ATENDIMENTO: Disque 156!

Última atualização do site:   //