Saúde e Educação entregam premiação do I Concurso de Desenhos contra a violência

Quinta-feira, 05 de novembro de 2015

Última Modificação: 11/12/2015 09:25:27 | Visualizada 477 vezes


Ouvir matéria

Da Assessoria

A secretaria de Saúde, em parceria com a secretaria de Educação, entregou na tarde dessa quarta-feira (04) no auditório do IFPR, a premiação do I Concurso de Desenhos que teve como tema “Violência deixa Marcas”. O Concurso foi realizado com os 4º e 5º anos das 14 escolas da rede municipal e duas da rede privada, totalizando assim 16 escolas participantes e mais de 900 desenhos feitos. Cada escola fez a escolha de três desenhos de cada série participante e enviou a secretária de Saúde, que juntamente com membros das secretarias de Educação e Assistência Social realizaram a escolha dos vencedores. Ao todo sete alunos foram premiados, sendo cinco mochilas escolares uma bicicleta e um tablet.
Participaram da entrega da premiação o prefeito municipal Marcel Henrique Micheletto, primeira dama Franciane Micheletto; vice prefeito e secretário de Agricultura, João Aparecido Pegoraro; secretário de Saúde, Junior Weiller; secretária de Educação, Fátima Sobral; diretora da 20º Regional de Saúde, Denise Liel; vereadores Vera Pestana e José Kulkamp; superintendente do Hospital Beneficente, Marcos Linartevis; provedor da Associação Hospitalar, Natal Zuffos, além de professores, diretores, pais e alunos.
O Concurso é uma das ações do projeto de incentivo à vigilância e prevenção de violências e acidentes, escrito pelas enfermeiras Julia Ishii e Wanylla Czezaniak, aprovado pela portaria nº 22 de 09 de agosto de 2012 do Ministério da Saúde. A violência é um problema social de grande dimensão que afeta toda a sociedade, atingindo crianças, adolescentes, homens e mulheres, durante diferentes períodos de vida ou por toda a vida dessas pessoas.
De acordo com o secretário de Saúde, Junior Weiller, “o projeto teve como objetivo fomentar a não violência dentro das casas dos chateaubriandenses. A equipe de Saúde realizou uma capacitação com os professores que em sala de aula, expuseram as consequências da violência aos alunos e esses então colocaram no papel o que estavam sentido”, afirmou. Ainda de acordo com o secretário, um amplo trabalho de conscientização foi realizado em todas as escolas e com a sociedade civil organizada.
O prefeito Marcel Micheletto, enalteceu a ação das secretarias de Saúde e Educação e disse da importância de ações como essa que visam as ‘boas práticas’ dos alunos.

 Galeria de Fotos

 Veja Também

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Segunda à Sexta-Feira, das 08:00 às 12:00 - 13:30 às 17:30.

Última atualização do site:   //