ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

Assis Chateaubriand cria Ambulatório de Dengue para atendimento a pacientes

Quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Visualizada 824 vezes


Município contabiliza 118 casos e mais de 300 estão sendo investigados

 

Preocupada em aprimorar o atendimento a pacientes com dengue, a Prefeitura de Assis Chateaubriand, através da Secretaria Municipal de Saúde, criou o Ambulatório de Dengue, aberto desde quarta-feira (19). A estrutura está instalada no setor onde funcionava a antiga Farmácia Municipal e conta com quatro profissionais para o trabalho, sendo médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e recepcionista.

 

O espaço possui três leitos e cadeiras para hidratação dos pacientes com suspeitas da doença. O acolhimento é feito a pessoas classificadas nos grupos A e B de dengue, que passam por uma triagem iniciada nas Unidades Básicas de Saúde, antes de serem encaminhadas ao Ambulatório, em posse do resultado do hemograma.

 

“Após receber todo acompanhamento médico e passar por avaliações laboratoriais, o paciente pode ser medicado e liberado ou então encaminhado para o Hospital Beneficente Moacir Micheletto, dependendo do caso”, explica o secretário municipal de Saúde, Renato Augusto Marcon.

 

Ele afirma que a ideia de instalar o Ambulatório de Dengue veio de encontro com a necessidade de ampliar a atenção com a doença, já que cresceu consideravelmente o número de pessoas buscando atendimento nos postos de saúde com sintomas de dengue e o Município irá decretar estado de epidemia nos próximos dias.

 

“Internamente, há 118 casos confirmados de dengue, mas estamos aguardando os resultados finais do Laboratório Central do Estado para que os números sejam oficializados. Além disso, há mais 309 casos em investigação e, por isso, podemos afirmar que a situação é crítica e Assis Chateaubriand já vive uma epidemia”, revela o secretário de Saúde.

 

Fumacê

 

Para que o município utilize-se do “carro fumacê”, considerado último recurso para combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti, é necessário que seja oficializado o estado de epidemia. Com a certeza de que a cidade já passa por uma crise epidêmica, nesta quinta-feira, o prefeito João Pegoraro assinará ofício solicitando à 20ª Regional de Saúde o trabalho com o inseticida na cidade.

 

Acredita-se que os veículos devam iniciar o serviço nos próximos dias e, assim que houver a confirmação, a Prefeitura fará um trabalho de orientação à população sobre os procedimentos e medidas que devem ser adotadas nesse período.

 

“O fumacê é o último instrumento de combate à dengue, mas vale dizer que a sua eficácia é pequena e não irá surtir muito efeito neste momento, pois o veneno utilizado mata os mosquitos, mas não atinge as larvas. Mesmo com o trabalho do inseticida, a melhor forma de resolver o problema é a população eliminar de seus quintais objetos e recipientes que acumulam água”, afirma o secretário, Renato Marcon.

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Segunda à Sexta-Feira, das 08:00 às 12:00 - 13:30 às 17:30. CANAL DE ATENDIMENTO: Disque 156!

Última atualização do site:   //