De Santana do Oeste a São Pedro do Piquiri : Médico que veio de São Paulo na década de 50 queria construir uma cidade

55 anos de Assis Chateaubriand

Quarta-feira, 18 de agosto de 2021

Última Modificação: 18/08/2021 09:29:47 | Visualizada 724 vezes


Ouvir matéria

55 anos de Assis Chateaubriand

No próximo dia 20 de agosto, o município de Assis Chateaubriand completa 55 anos de emancipação político-administrativa, vamos relembrar a história dos distritos, patrimônios e comunidades do interior.

As informações foram publicadas no “O Regional em Revista”, na edição Especial quando o município completou 50 anos.

De Santana do Oeste a São Pedro do Piquiri

Médico que veio de São Paulo na década de 50 queria construir uma cidade

O nome São Pedro do Piquiri, de acordo com relatos da família Michelon, foi dado ao lugar no fim da década de 50. Segundo o casal Geraldo e Maria Michelon Quarezami, que chegou à região em 1958, o nome para o lugar foi escolhido por um médico que tinha um sonho de fazer uma vila e mais tarde transformar o local em uma cidade.

“No início, o doutor Pedro, não me recordo seu sobrenome, disse que ali ia se chamar Santana do Oeste pro que ele veio de um lugar de São Paulo que tinha esse nome, mas não demorou muito tempo, cerca de dois anos, e ele decidiu colocar São Pedro, acredito que era porque ele se chamava Pedro, e daí ficou assim até hoje”, conta Geraldo.

Após permanecer por um bom tempo no local, o médico se mudou para Toledo, e de acordo com informações da família Michelon, a última informação era de que ele havia falecido em Foz do Iguaçu, onde trabalhou os últimos dias como profissional na área de medicina

 

Outro São Pedro?

A primeira comunidade a receber o nome de São Pedro, no interior de Assis Chateaubriand, não foi exatamente onde atualmente existe o campo de futebol, um bar e algumas casas. Era um pouco mais adiante, cerca de um quilômetro e meio, deixando o atual São Pedro sentido Assis Chateaubriand. Hoje apenas as marcas na terra apontam que no local construíram residências e outras benfeitorias. Foi nessa primeira comunidade que o médico Pedro sonhou em transformar em uma cidade. Depois com a saída de muitas famílias do local, até a sede mudou- se um pouco mais adiante. Essa história foi contada pela família Michelon , que atualmente mora em Assis Chateaubriand, José Carlos de Souza, ou como é conhecido “Zezinho da Sino Pneus”.

Créditos para Ademir Brito dos Santos / Jornal O Regional

 Galeria de Fotos

 Veja Também

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: Segunda à Sexta-Feira, das 08:00 às 12:00 - 13:30 às 17:30.

Última atualização do site:   //